MILHO: USDA aponta safra mundial 2024/25 de 1,219 bilhão de toneladas

   Porto Alegre, 10 de maio de 2024 – O relatório de maio de oferta e demanda mundial de milho do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês) trouxe os primeiros dados relativos à temporada 2024/25 e atualizações referentes à temporada 2023/24.

   A safra global 2024/25 foi projetada em 1.219,93 milhão de toneladas. O USDA estimou estoques finais da safra mundial 2024/25 em 312,27 milhões de toneladas, abaixo das 317,4 milhões de toneladas previstos pelo mercado.

   A safra dos Estados Unidos em 2024/25 foi indicada em 377,46 milhões de toneladas. A estimativa de safra brasileira é de 127 milhões de toneladas em 2024/25 e a produção da Argentina deve atingir 51 milhões de toneladas. A Ucrânia teve sua projeção de safra apontada em 27 milhões de toneladas na temporada 2024/25 e a África do Sul teve a safra indicada em 17 milhões de toneladas.A China teve a estimativa de produção em 2024/25 projetada em 292 milhões de toneladas.

   A safra global 2023/24 foi projetada em 1.228,09 milhão de toneladas, acima das 1.227,86 milhão de toneladas indicadas em abril. O USDA estimou estoques finais da safra mundial 2023/24 em 313,08 milhões de toneladas, abaixo das 318,28 milhões de toneladas indicadas no mês passado e das 315,3 milhões de toneladas previstas pelo mercado.

   A safra dos Estados Unidos em 2023/24 foi indicada em 389,69 milhões de toneladas, sem alterações ante abril. A estimativa de safra brasileira foi reduzida de 124 milhões de toneladas para 122 milhões de toneladas em 2023/24, enquanto o mercado indicava uma produção de 122,5 milhões de toneladas. A produção da Argentina deve atingir 53 milhões de toneladas, contra as 55 milhões de toneladas indicadas em abril. O mercado projetava uma safra de 52 milhões de toneladas.

A Ucrânia teve sua projeção de safra elevada de 29,5 milhões de toneladas para 31 milhões de toneladas na temporada 2023/24. A África do Sul teve a safra mantida em 14 milhões de toneladas. A China, por sua vez, teve a estimativa de produção para 2023/24 mantida em 288,84 milhões de toneladas.

Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Safras News

Copyright 2024 – Grupo CMA